quarta-feira, 11 de julho de 2012

Fulguras de delírio

Ele tem um domínio sobre mim, sobre os meus olhos e sobres os meus amores.
Afeta o fundo da minha alma e o mais proibido afeto.
Apaga o incêndio e acende o mar, como uma vela.
7 dias pra lembrar, uma vida inteira pra esquecer [tentar].
Querer o mais perdido dos desejos,
o que não se pode tocar, abraçar.
Sorrir o encanto e chorar a solidão,
pois é água, escorre. Foge. É livre.


Um comentário:

  1. Ahhh, minha linda! Simplesmente descreveu muito do que eu sinto!

    ResponderExcluir